… a divulgação que faz, na sua crónica de hoje no Público, dos dados aqui divulgados nos últimos dias sobre os sistemas de ensino do norte da Europa.

Mas só porque cita directamente quadros e dados de tabelas aqui usados é que eu sei que são os que levei 2-3 dias a pesquisar, pois esqueceu-se de uma gentil referência à origem da informação recolhida, preferindo remeter para os documentos de origem.

Claro que poderá ter sido ele a encontrar as mesmas coisas, nas mesmas páginas, dos mesmos documentos, porque quem sabe pesquisar certamente lá chega. Possível, é. Provável, nem por isso. Credível, não.

Em especial porque no último parágrafo remete para dados da OCDE, quando o quadro que eu usei (tendo como fonte a OCDE) é de um documento do ME dinamarquês, o que revela que a preguiça imperou.

Lamento que isto tenha acontecido. Por uma questão de mera civilidade. E, claro, pode sempre usar o argumento da outra, da distracção… de ter sido necessário cortar umas dezenas ou centenas de caracteres…

Está calor… o que me tira a paciência para certas e determinadas habilidades… de aves que se aproveitam dos ninhos alheios.

Adenda:

Anúncios