Directores ‘dissidentes’ querem liderar Conselho das Escolas

Nomes ligados à contestação ao Governo anterior aparecem este ano nas listas

Ficaram conhecidos por darem a cara, em nome das escolas, nos tempos mais tensos de Maria de Lurdes Rodrigues na Educação, não hesitando em assumir posições críticas em aspectos como a carreira dos professores e o regime de gestão escolar. Agora prepararam-se para disputar a chefia no Conselho das Escolas, que vai hoje a votos, para mudar o sistema por “dentro”.