Então internem-nos… por exemplo… numa prisão. Chamem-lhe outra coisa… clínica de reabilitação…

Corruptos podem ter lesão cerebral, defende investigador

Falhas na região cerebral do córtex pré-frontal podem explicar, pelo menos em parte, o fenómeno da corrupção. Segundo Antoine Bechara, neurologista da Universidade de Iowa, essa lesão cerebral é semelhante à encontrada nos cérebros dos assassinos psicopatas.