Do de 1970 eu não me lembro grande coisa, nem sei dizer se deram alguns jogos na televisão.

Mas do de 1974 (pouco depois do 25 de Abril) já me lembro bastante bem, a começar por um memorável RFA-RDA que despertou paixões em parentes masculinos que dividiam o gosto pelo bom futebol com simpatias político-ideológicas.

Ingénuo a esse respeito, gostando desde então dos underdogs, ao fim de uns 20 minutos de um jogo em que Beckenbauer and friends pareciam querem cilindrar os irmãos de Leste, eu futorologizei a vitória dos Trabants por 1-0.

Um tipo chamado Sparwasser fez-me a vontade já perto do final do jogo e a RDA ganhou o grupo.

Mas a RFA foi campeã na mesma.

O peruano da capa da revista é o Cubillas, provavelmente o melhor jogador a passar pelo Porto nos anos 70 (e 80… e…)