Governador civil terá dito: «Quando é necessário mentir, tenho que mentir»

(…)

Numa pergunta dirigida ao MAI, a que a Lusa teve acesso, o parlamentar social-democrata refere que as declarações de Jaime Estorninho terão sido proferidas durante uma palestra, promovida por uma escola profissional, sobre «Ética Profissional».

«Perante a presença de alunos, professores e outros oradores, com um tema que visava reflectir sobre princípios e valores, efectuou o senhor governador uma breve intervenção, mas com conteúdo não compatível com o seu estatuto e responsabilidade», lê-se no texto enviado ao MAI.

O deputado do PSD Cristóvão Crespo questionou esta sexta-feira o Ministério da Administração Interna (MAI) sobre uma declaração do governador civil de Portalegre, Jaime Estorninho, em que este terá afirmado que «quando é necessário mentir tenho que mentir».