E o que dizer dos órgãos de gestão que divulgam classificações por carta para casa dos avaliados mas que, quando estes se dirigem à sua escola para tomarem conhecimento da dita e analisarem a forma como foram avaliados, não deixam que os próprios directos interessados acedam à documentação que conduziu à sua avaliação?

Que exigem requerimento dos avaliados para que estes possam aceder a documentos – resultantes de actos administrativos públicos – que são indispensáveis, por exemplo, para elaborar um recurso?