Segunda-feira, 7 de Dezembro, 2009


Voxtrot, Firecracker

Para falarem do que bem entenderem, pois até à música de final do dia, estarei por fora e há que dar a palavra a quem quiser, sem tema definida.

Uma espécie de speaker’s corner, enquanto speaker de serviço vai ali e já vem.

Da útima grande greve no sector.

Fenprof admite acção de protesto em Janeiro

A Fenprof anunciou para 19 de Janeiro “uma iniciativa nacional envolvendo todos os professores” para assinalar os três anos da aprovação do contestado Estatuto da Carreira Docente (ECD) desenhado pela anterior ministra da Educação, Maria de Lurdes Rodrigues. Mas em cima da mesa está já a possibilidade de a data servir para contestar os novo ECD e modelo de avaliação propostos pela actual ministra, Isabel Alçada. Para já, a estrutura sindical vai ouvir os professores nas escolas.

Vou tentar estar por lá, porque as coisas, enfim…

Ainda em relação ao tema deste post eu gostaria de pedir que, com garantia absoluta de privacidade e com resposta para o mail guinote2@gmail.com, me enviassem casos de escolas onde:

  • Quem entregou auto-avaliação, mas não OI, ainda não tenha sido avaliado.
  • Já estejam a ser calendarizadas as actividades do 2º ciclo de avaliação, em particular aulas assistidas.

É por e para uma boa causa. E mesmo quem já me mandou, mande de novo, porque o meu disco parece mesmo ter entregue a maior parte da alma ao criador e o meu arquivo de materiais está bastante atingido, assim como a minha memória pessoal já não tem capacidade para arrumar e processar toda a informação recolhida.

E assim passaram 8 horas de uma segunda-feira em que de tudo houve um pouco para que o feriado de amanhã tenha um sabor melhor. Testes para ver em casa, portáteis a não funcionarem e um aluno com doze anos que não distingue o princíoio de um fim de uma palavra, a quem foi preciso desenhar círculos no quadro para distinguir a palavra primitiva (círculo maior) do prefixo e do sufixo (dois círculos menores de cada lado do maior).

E ainda dizem que não há pedagogias criativas à la minute.

(c) Vandinha