Médicos recebem mais 750 euros se forem para o interior

Agora imaginem que os professores eram mesmo um grupo com forte poder reivindicativo e de pressão e não um um estrato profissional a quem tentam proletarizar a todo o custo.

Não me entendam mal. Eu acho correctos estes incentivos. Só gostava era de ouvir os anti-corporativos a levantarem-se sem ser apenas contra os professores.

Onde andam as brigadas anti-encostanço dos Manyfaces quando precisamos delas?