Suspenso sem saber porquê

Sandro Colaço, professor de Expressão Corporal do ATL da Escola Básica de Santa Luzia, Tavira, foi suspenso pela autarquia, na quinta-feira, depois de um acidente durante uma aula que envolveu o filho do presidente da câmara, Macário Correia.

“Era um exercício normalíssimo, supervisionado por mim”, explica o docente, que diz não saber por que razão está suspenso. A turma tinha terminado o ensaio da peça ‘Inspector Tótó’ e, no exercício seguinte, com os alunos de olhos vendados, o filho do presidente da Câmara de Tavira feriu o lábio.

“O professor é muito querido, é boa pessoa e não é justo ir para a rua por o acidente ter sido com quem foi”, desabafa uma das empregadas, sob anonimato.

Sandro Colaço “tem feito as festas mais lindas desta vila e todos os alunos têm um enorme carinho por ele”, diz a coordenadora da escola. Aida de Jesus, que também desconhece oficialmente o motivo da suspensão, acrescenta que “toda a escola está em choque, todos têm plena confiança no trabalho do professor e respeitam-no”.

As aulas de Expressão Corporal estão agora a ser leccionadas pela professora de Expressão Plástica e há alunos que reclamam pelo regresso de Sandro Colaço.

Macário Correia não comentou a suspensão do docente. “São assuntos internos da câmara, envolvendo um familiar e por uma questão de ética e boa educação não presto declarações”, disse.

Macário rules

Será que já lambe cinzeiros?