A polícia dos costumes, arrancada ao adormecimento do Estado Novo, atacou de novo:

Funcionárias da Loja do Cidadão de Faro proibidas de usar saias curtas e decotes

293027