Convivo bastante bem com as críticas, em especial com as mais aceradas e violentas. Quem se queixar de tal, é melhor fechar a loja e ir à sua vidinha.

No entanto, é impossível deixar de notar como são semelhantes certas formas de se incomodarem comigo, unindo-se na forma e no tom certos discursos para-sindicais e para- ministeriais. Bilros ou Tretas, parece que a pedra no sapato é a mesma.

Agora imaginem que eu, no meu imenso narcisismo, colocava fotos minhas em tudo o que é manifestação na barra lateral do blogue…

O problema, Isabel, é que os espelhos escasseiam em casa quando tanto se querem oferecer aos outros…