Em Reunião Geral de Professores realizada em 21 de Janeiro de 2009, os professores da Escola Secundária de Gama Barros aprovaram uma moção em que reiteram o teor da moção aprovada em meados de Novembro de 2008, na qual se suspendia a aplicação do modelo de avaliação do desempenho estabelecido pelo Decreto Regulamentar nº 2/2008, de 10 de Janeiro. Esta moção foi aprovada com 123 votos a favor (98% dos presentes), 1 voto contra e 2 abstenções.

Na sequência desta RGP, mas procurando separar as águas e apelando a uma decisão reflectida e consciente de cada um, no dia 22 de Janeiro de 2009, foi posta a circular uma outra moção em que os professores subscritores:

· exigem a revisão do Estatuto da Carreira Docente, com a consequente revogação do processo que conduziu à divisão da carreira em titulares e professores;

· exigem a suspensão do actual modelo de avaliação do desempenho;

· exigem ser avaliados de acordo com um modelo credível e exequível, assente em critérios de natureza científico-pedagógica;

· formalizam a sua recusa em entregar os objectivos individuais.

Até ao início da tarde de hoje, esta moção já foi subscrita por 92 professores.

Abraço.

Manuel Sanches

Advertisements