A avaliar pelas justificações (o árbitro, o horário, os jantares e a melhor de todas uma égua histérica) estamos a voltar ao tempo dos desgraçadinhos e do choradinho da falta de condições.

Ao menos o Obikwelu tem a dignidade de não se justificar com o chão torto e pede desculpas por não cumprir os objectivos. Assim é que é!

Agora falta-nos ver o que fazem a Naíde, o Nelson e a Vanessa.