Por causa das queixas quanto à dificuldade de acesso ao site original (excesso de tráfego, estreiteza de banda, etc), aqui fica o texto completo (2ª tentativa) em PDF (acordao184)

Claro que se estranha que a divulgação quase não tenha existido, apesar da sua redacção final estar datada de 12 de Março. Mesmo sendo necessários uns dias para a publicitação, a verdade é que já passaram mais de 3 semanas e mal se ouviu falar dele, sendo que os primeiros a querer chamá-lo à liça parecem ser aqueles que agora estão aí numa segunda fase da tentativa de cilindragem da classe docente.

No meu caso, favoráveis ou desfavoráveis as informações relevantes – e estas são muito relevantes – devem ser publicitadas.

O mesmo se aplica para a reunião do CCAP de 14 de Março, que só no final desta semana tiveram alguma tímida divulgação.

Tem a sua graça a quase coincidência dos dois factos e do seu lançamento para a esfera pública. Bem informado está quem me dizia que o ruído em torno da violência nas escolas estaria a ser prolongado para dar lugar a algo mais.

Adenda: O WordPress, com visual e funcionalidade renovadas, anda a deixar-me baralhado e os ficheiros de texto não me estão a aparecer como antes.