Será este um método mais eficaz de lidar com a situação?

O que acham os defensores da tese da «impreparação» da docente do Porto?

Agora só peço para que tenham em conta que, provavelmente, perante este tipo de intervenção, é bem provável que existisse um motim na sala e tudo acabasse pior do que com esta nota, transcrita da caderneta de um(a) aluno(a) que tem circulado há algum tempo na net e que até hoje não tinha achado grande necessidade publicar.  

pai.jpg