Eu vi tanta coisa bonita…

Vi professoras grávidas de 6 e 7 meses;
Eu vi gritarem tantas vezes…

Vi professores com 39ºC de febre;
Eu vi o impedir que a corrente quebre.

Vi gente do sul, norte e centro;
Eu vi um mar de gente adentro!

Vi um professor a andar de muletas;
Eu vi os testemunhos de uma prova de estafetas!

Vi gente que já não via desde a faculdade…
Eu vi gente de toda a idade!

Vi conhecidos e amigos;
Vi abraços e sorrisos;
Vi tristezas e indignações;
Vi as lágrimas e as emoções;
Vi gritarem e fazerem silêncio:
Eu vi a coordenação e o consenso!

Vi as palmas da população:
Eu vi a sua compreensão!

Vi a beleza de uma multidão;
Eu vi a força da união!

E, no final, vi a ministra dizer,
Que fossem mil ou cem mil, não iria ceder…
E por isso, e tem tudo a ver,
Cara ministra: – O maior cego é o que não quer ver!

É… eu vi tanta coisa bonita…

Gostava apenas de dizer que não sou filiado em nenhum partido, não estou sindicalizado e não sou hooligan…
Sou apenas um professor que ama os seus alunos e ama muito a sua profissão.
Bem hajam… e o futuro há de dizer quem tem a razão.

Maurício Brito