O Ministério da Educação agora tem um atento gabinete especializado em responder às manchetes de jornais e vai de lançar bala sobre o Jornal de Notícias porque incorreu em crime de lesa-propaganda em favor do sucesso escolar.

Por acaso o artigo era mauzinho e com dados desactualizados, mas regista-se com curiosidade a forma rápida de reagir do ME a qualquer coisa que belisque a sua imagem.

O que eu gostava mesmo é que o ME desmentisse outras realidades – nomeadamente em torno do deficiente acompanhamento de alunos com NEE – ou então que os jornalistas fizessem bons artigos, com dados correctos, que contrariassem a mistificação estatística que parte da 5 de Outubro em vários momentos do ano lectivo. Porque nem é especialmente difícil.