A Vidinha


Não havia nexexidade.

… com a continuação da inquirição de altos quadros da administração pública, parte deles sóci@s de governantes e ex-governantes em sociedades activas e outras pretensamente inactivas, no Tribunal Central de Instrução Criminal de Lisboa.

Parece um dia como outro qualquer.

E, pelo menos a médio prazo, assim será, pois tudo continuará como antes, mais este ou aquele “ajustamento” na legislação, até porque quem é sócio deste agora ainda será daquele, mais tarde e todos se encontrarão no casamento dos filhos de uns terceiros, segundos ou quartos ou então a dar umas golfadas num green.

Até porque, pelo que se vai sabendo, foram atempadamente avisados de que algo estaria a acontecer e até chamaram o SIS para lhes limpar a casa.

… é porque o pessoal anda indolente.

Mas, na sua indolência, chateiam. E ainda mais por causa dela.

… embora já chateie menos do que antes é aquela malta que critica, critica, critica, mas depois não faz a ponta de um corno para facilitar a vida aos colegas, com coisinhas pequenas, que são seus deveres não excepcionais, mas que adiam, adiam, adiam, até aos limites de apetecer enfiar-lhes com uma bigorna na cabeça.

Uma coisa são os embirranços, outra coisa é a total falta de profissionalismo, quando há tempo para coçar as ostras a meio do dia.

Se alguém que ler isto enfiar a carapuça, é bem melhor enfiar o capacete.

monty-python-16-tons

Depois de sete horas de formação sobre os aspectos disciplinares da lei 35/2014, meio gripado, com um dilúvio à espera na hora de voltar para casa, ainda tenho 15 testes por ver para entregar amanhã.

Alguém está assim com uma vontadezinha…?

Eu não tenho e até desaparece qualquer vontade de escrever seja o que for.

E a piar baixinho, por causa de uma amigdalite dum caraças.

Voltarei logo a seguir.

E acreditam que não me apetece mesmo nada?

Até porque, despachando aquela, há logo outra a seguir…

É nestas alturas que sou tentado pela abordagem holística

Página seguinte »

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 959 outros seguidores