Decide-te. Estavas em Bruxelas, no centro de toda a informação… Agora mudas de opinião todos os dias (peço desculpa pelo tratamento coloquial, mas perdi a pachorra com os lapsos…).

  • 26 de Março de 2012:

A apresentação da economia portuguesa que Vítor Gaspar levou consigo para a Europa e os Estados Unidos permitiu, segundo o próprio, descansar os americanos quanto à situação económica europeia. Mas também deixou aliviados os deputados do Partido Socialista. É que, de acordo com João Galamba, a apresentação é elogiosa para com as reformas empreendidas por José Sócrates e, até, António Guterres, e desmistifica a ideia de que os últimos dez anos foram “uma década perdida” em termos de reformas estruturais.

  • 19 de Abril de 2012:

Em declarações Gaspar afirmou que Portugal, e as políticas expansionistas de José Sócrates, são o exemplo do que deve ser evitado pelos parceiros internacionais.

Como adianta a agência Bloomberg, Gaspar recordou que Portugal teve “um crescimento medíocre” durante a primeira década do euro, onde os principais itens de competitividade se deterioraram de forma significativa.

About these ads