À conta dos resultados do PISA 2009, aquela parte do Expresso que humedecia cada vez que Rodrigues, Lemos & Pedreira zurziam nos profes está de volta.

Um conselho, em especial àqueles colunistas que foram mesmo jornalistas há muito tempo e que há muito tempo confundem jornalismo com telefonemas, almoços e jantares: façam algum trabalho de campo… descubram que escolas participaram no PISA 2009, comparem com as de 2006 e 2003 e depois digam-me lá se desta vez o ranking médio das escolas não foi mais elevado. Não sou dos que acham que a amostra foi maltratada; pelo contrário, acho que desta vez é que a coisa foi tratada com o devido cuidado. Não são estes resultados que são uma enorme surpresa, talvez os anteriores é que tenham sido abaixo do possível.

Será que Fernando Madrinha, com toda a sua expertise e contactos, não consegue libertar-nos as listas de escolas envolvidas nos últimos PISA? Era um serviço que fazia para conhecermos a sério o que se passa na nossa Educação. Sempre mais útil do que lamentar as perdas simbólicas dos titulares que fez em tempos.

About these ads