Sábado, 28 de Agosto, 2010


Streetlight Manifest, Would You Be Impressed?

Johnny Bigóide

Os próximos tempos serão, na área do sindicalismo docente e da luta-pá-da-luta, dominados por uma coreografia irrelevante em torno da operacionalização da avaliação do desempenho docente.

Fenprof e FNE parecem muitos preocupadas com os efeitos da ADD no quotidiano das escolas. Ó meus amigos, essa já tem barbas velhas e cansadas. O que isso já foi mais do que discutido. Agora, depois de tudo arrumado e acordado, é que aparecem a  fazer grande alarido para fazer prova de vida? Deixem-se de coisas ou então expliquem-nos, em especial no caso da Fenprof, estas declarações públicas (recordemos que então se afirmou que «todas as preocupações foram respondidas positivamente») e as escassas questões presentes em acta negocial, tudo de dia 9 de Abril deste ano.

Portanto, ou o ME faltou ao prometido e é bom que isso se perceba, ou não faltou e limitem-se a discutir as vírgulas do documento e não venha clamar contra os «efeitos negativos da avaliaçlão dos docentes» (já notaram que nas notícias predomina a foto do dia dos sorrisos?) porque esses já sabemos que existem e se uns são o que se ficou a perceber, há outros que é bom que sejam mesmo negativos, para ver se certas assombrações deixam de pairar por aí.

Tão ou mais importante: não há nada a dizer sobre a avaliação dos docentes sem componente lectiva? Sobre isso, não há perturbações, constrangimentos, efeitos negativos?

Será demasiado incómodo perguntar em que moldes será feita a avaliação dos dirigentes sindicais que não prestam serviço lectivo e como, por exemplo, é avaliada a sua assiduidade, que é o critério de exclusão da classificação ditas de mérito para os zecos?

Será que estamos em condições para discutir estas coisas abertamente ou há anátemas e temos por aí os operacionais do costume a gritar que é antisindicalismo, questionar as soluções usadas para negociar em nome de todos como se fossem as únicas aceitáveis?

Neste momento já todos sabemos que o ME não tem qualquer autonomia para negociar seja o que for de relevante, sem ser com autorização da equipa das Finanças. Limita-se a discutir a forma da casca dos amendoins. Ao que parece há quem se sinta feliz com o facto de, para além disso, discutir se é melhor descascar os amendoins da frente para trás ou de trás para a frente.

Sejamos claros como a neve (que a água é transparente mas só às vezes): a questão da ADD está, para os próximos tempos, encerrada e o prego mais firme no caixão foi a introdução das classificações na graduação profissional do concurso deste ano (não só para contratados, recordemos os destacamentos…). Essa batalha foi completamente perdida apesar das promessas variadas em contrário após o acordo. Que queiram disfarçar e encobrir isso, eu percebo. Agora é nossa (de quem não tem lugares a perder na mesa das negociações, nem se quer arrogar do monopólio da representação) missão manter os olhos abertos e dizer sem margem para dúvidas o que é verdade e a verdade é que isto não passa de coreografia negocial sobre questões praticamente irrelevantes.

O ME e alguns sindicatos parecem contentes em dar a entender que ainda têm poder e capacidade para decidir alguma coisa de relevante nestas matérias.

Pura e simplesmente não é verdade.

O Antero voltou com apontamentos de férias…

Ficam aqui as 74 páginas em Word, contendo a respectiva e útil republicação: Estatuto do Aluno2010.

Está calor, nem pensem que eu vou comentar isto antes da temperatura ambiente descer para os vintes e poucos graus.

Historic schools

(…)

Many listed schools from every period have been adapted and modernised as educational needs have changed. Recent schemes for listed 20th-century schools, such as Richmond school in Yorkshire and Haggerston school in London, have delivered sensitive and effective refurbishment at a fraction of the cost of a new building, and this would be possible at the Barclay school too. Listing is there to flag up buildings of national special interest, not stand in the way of progress.

Página seguinte »

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 943 outros seguidores